7 de mar de 2013

GAROTINHO DENUNCIA FRAUDE NA VOTAÇÃO DOS ROYALTIES


Assinatura do deputado Zoinho (PR-RJ) consta da lista de votantes, mas ele havia embarcado para o Rio antes do início da votação, na noite de ontem; “voltamos à era dos pianistas”, disse o deputado Anthony Garotinho (PR-RJ), fazendo referência ao tempo em que parlamentares votavam por seus colegas; líder do PR já encaminhou ofício ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e promete anular a votação...

******

A guerra federativa entre estados produtores e não produtores de petróleo, deflagrada ontem, quando o Congresso derrubou um veto da presidente Dilma Rousseff, redistribuindo os royalties do setor, acaba de ganhar mais um capítulo ­– desta vez, explosivo. O deputado Anthony Garotinho (PR-RJ), líder da bancada do PR, encaminhou nesta tarde um ofício ao presidente do Senado, Renan Calhieiros (PMDB-AL), solicitando a relação dos deputados votantes, para checar a informação de que o deputado Zoinho (PR-RJ) estaria na lista. 
Isso porque, embora sua assinatura conste de uma das atas, ele havia embarcado para o Rio de Janeiro, horas antes de início da votação. “Tudo indica que houve uma fraude”, disse Garotinho ao 247. “Voltamos à era dos pianistas”, disse o parlamentar, referindo-se ao tempo em que parlamentares votavam por seus colegas.
A iniciativa de Garotinho é mais um esforço para anular a votação de ontem, que derrubou o veto de Dilma. No Rio, o governador Sergio Cabral anunciou a suspensão de todos os pagamentos do Estado, exceto dos salários do funcionalismo, enquanto a questão não for revista pelo Supremo Tribunal Federal. 
Embora sejam adversários políticos, Garotinho e Cabral, desta vez, estão do mesmo lado. “Os pagamentos têm mesmo que ser suspensos”, afirma. “Em Campos, por exemplo, 60% da receita municipal vem dos royalties”. Ele afirma ainda que já há um movimento dos petroleiros para paralisar a produção de petróleo. “Sem royalties não há petróleo”, diz o deputado.
Confira abaixo o recibo de embarque do deputado, o horário de início da votação e o ofício encaminhado por Garotinho a Renan:
SINTONIA FINA

Nenhum comentário: