18 de set de 2012

GOLPE DA OPOSIÇÃO CONTRA LULA JÁ ESTÁ EM MARCHA

Veja aqui o que o Partido da Imprensa Golpista (PIG- Partido da Imprensa Golpista) não mostra!



Agripino Maia, do DEM, Sérgio Guerra, do PSDB, e Roberto Freire, do PPS, anunciam que irão pedir investigação contra Lula após as eleições. Apontam “silêncio ensurdecedor” do ex-presidente, que, na visão dos três, deveria negar uma “entrevista” de Marcos Valério à revista Veja já desmentida pelo próprio entrevistado


Mais uma etapa do golpe para impedir a eventual volta de Luiz Inácio Lula da Silva ao poder, seja em 2014, seja em 2018, foi deflagrada nesta terça-feira. Reunidos nesta tarde, os presidentes de três partidos – Sérgio Guerra, do PSDB, Agripino Maia, do DEM, e Roberto Freire, do PPS – anunciaram que, após as eleições, irão apresentar ao Ministério Público um pedido de investigação criminal contra o ex-presidente Lula.
O pretexto é a capa da revista Veja desta semana, que traz uma “entrevista” de Marcos Valério, já desmentida e negada pelo próprio. Unidos, os presidentes dos três partidos condenam o “silêncio ensurdecedor de Lula”, como se o ex-presidente fosse obrigado a desmentir uma “entrevista” já negada pelo próprio entrevistado e a bater boca pelos jornais com um personagem condenado na Ação Penal 470.
Cumpre-se o roteiro anunciado, aqui, no 247: uma “entrevista” sem áudio e um processo contra Lula, que lhe coloca uma espada no pescoço, caso decida voltar a concorrer. Detalhe: Lula deixou o poder com 70% de aprovação popular e é hoje o maior cabo eleitoral do País. Seria eleito com quase 70% dos votos, segundo uma sondagem recente da CNT.


Colocado em impedimento, abre-se espaço para a oposição, na versão brasileira do golpe à paraguaia.

Sintonia Fina
- com 247

Nenhum comentário: