13 de mai de 2012

Nossa homenagem a todas essas Mães

Fotos copiadas do Blog do Saraiva


Natureza MÃE...

Um dia,

sim,
um dia qualquer.

Um sentimento,
o Amor,
abriu suas mãos para
o universo finito,
para o nada previsto
e sem perceber abriu
a grande porta,
o espaço AMOR.

Um dia,
sim,
um dia qualquer.

A humanidade em caminhada primeira,
torna-se homem e desse homem
e para essa humanidade,
abriu-se o encontro.

Um dia,
sim,
um dia qualquer.
o Amor se juntou e
tornou vida tua luz e tua essência,
quando de tua prenhez,
eu,
como premiado ao teu feito,
existi.


Tua benção..
Tonril



Amor não escolhe destino...

  Sintonia Fina

Nenhum comentário: