26 de fev de 2012

Sucesso ! Um ano de Dilma

Veja aqui o que o Partido da Imprensa Golpista (PIG) não mostra!


Saiu na Folha (*) artigo de Marcelo Neri, economista-chefe do Centro de Políticas Sociais e professor da EPGE, na Fundação Getúlio Vargas, Rio.

No dia 7 de março, quarta-feira, ele lança na Bolsa de São Paulo (a do Rio, o Naji Nahas fechou) um livro para ensinar a navegar com os emergentes.

 

Ao sucesso da Dilma, ano I (chora, Miriam, chora !): 


Janeiro de 2012 coincide com o marco ano 1 depois da Dilma. Pois bem, as variações de 12 meses mostram:


1) crescimento da renda familiar per capita média da PME de 2,7%, que coincide com o crescimento observado entre 2002 e 2008, apelidado por muitos de “era de ouro mundial”, e superior ao 0% do ano 1 depois da crise de 2008; 2,7% de crescimento também coincide com o crescimento do PIB total de 2011, recém-anunciado pelo Banco Central. A diferença é o crescimento populacional de pouco menos de 1%, mantendo a tendência, observada desde o fim da recessão de 2003, da renda das pesquisas domiciliares crescerem mais que o PIB;


2) A desigualdade tupiniquim continua em queda de 2,13% ao ano, ante o 1,11% observado no período de 2001 a 2009, conhecido como o de “queda da desigualdade brasileira”. O Gini brasileiro foi, de 1970 a 2000, quase uma constante da natureza. A desigualdade brasileira está hoje 3,3% abaixo do seu piso histórico de 1960;


3)    Como consequência, a pobreza segue sua saga descendente ao ritmo de 7,9% ao ano, superior aos 7,5% ao ano da “era de ouro” citada. Reduzimos em 2011 a pobreza num ritmo três vezes mais rápido que o necessário para cumprir a Meta do Milênio da ONU de reduzir a pobreza à metade em 25 anos.


Sintonia Fina
-Conversa Afiada

Nenhum comentário: