21 de jun de 2013

DILMA FALARÁ À NAÇÃO HOJE



Palácio do Planalto já tomou a decisão; nesta sexta, haverá uma mensagem contundente da presidente Dilma Rousseff, em defesa da democracia, mas também da ordem, da Copa de 2014 e contra a baderna e o vandalismo; Dilma ficou especialmente assustada com os atos promovidos em Brasília e no Rio de Janeiro; ainda não está claro se será um pronunciamento à Nação, em cadeia nacional de rádio e televisão, ou uma entrevista breve no Planalto.


A presidente Dilma Rousseff acaba de tomar a decisão de falar à Nação sobre os acontecimentos de ontem, em várias cidades do Brasil. Reunida com seu núcleo duro, em Brasília, que inclui os ministros José Eduardo Cardozo, da Justiça, e Gleisi Hoffmann, da Casa Civil, ela já decidiu que irá se pronunciar, com veemência, em defesa da democracia, mas também da ordem, rechaçando de forma contundente todos os atos de violência.
Ela, que acompanhou tudo pela televisão ontem à noite, ficou especialmente assustada com o vandalismo em Brasília, onde o Palácio do Itamaraty, obra-prima da arquitetura mundial, foi atacado, e no Rio de Janeiro, onde houve tentativa de invasão à prefeitura e um repórter da GloboNews, Pedro Vedova, foi atingido com uma bala de borracha na testa.
Ainda não há consenso sobre a forma do pronunciamento. Há quem defenda uma fala em cadeia nacional de rádio e televisão, às 20h. No entanto, a mensagem talvez seja transmitida de forma menos formal, numa entrevista ainda hoje no Palácio do Planalto.
Também assustados com a violência, os integrantes do Movimento Passe Livre anunciaram que não convocarão mais protestos para a cidade de São Paulo.
com 247

Nenhum comentário: