25 de ago de 2012

URUBÓLOGA SEGUE O RUMO DO PSDB: FUNDO DO POÇO

Veja aqui o que o Partido da Imprensa Golpista (PIG- Partido da Imprensa Golpista) não mostra!

Como se sabe, a Urubóloga é o que de melhor o neolibelismo (*) produziu no Brasil.
Saiu no Globo:


http://oglobo.globo.com/economia/miriam/

Uma cabeça, duas sentenças


O ministro Ricardo Lewandowski ameaçou sair do plenário e não ouvir a réplica do ministro Joaquim Barbosa, na semana que vem, caso o presidente do Supremo Tribunal Federal, Carlos Ayres Britto, não dê a ele o direito de tréplica. Foi desconcertante esse bater de pé no chão do revisor. Precisou ser lembrado pelo presidente da Casa de que o relator tem papel de “centralidade”.

Na votação, todos se igualam. Cada ministro, um voto. No entanto, a relatoria foi conferida a Joaquim Barbosa. O ministro Lewandowski pode e deve fazer seu trabalho de contraponto, pesponto ou complemento, mas o que não pode é revogar o fato de que o relator tem esse papel central. Os papéis são diferentes. Os dois trabalharam arduamente no processo, só que Joaquim, por cinco anos, Lewandowski, por seis meses. Se as palavras — relator e revisor — já não bastassem, os dois tempos iluminam a diferença de papéis.

Sintonia Fina
- com Conversa Afiada

Nenhum comentário: