13 de jun de 2012

Publicidade: internet bomba. Veja agoniza

Veja aqui o que o Partido da Imprensa Golpista (PIG) não mostra!



Saiu na Folha:

Receita com publicidade aumenta 14%


Expansão ocorre em todos os nove meios analisados pelo Projeto Inter-meios no 1º trimestre; em jornais, avanço é de 5,5%. TV aberta, jornais e revistas mantêm as maiores participações na receita, que atinge um total de R$ 6,5 bi


MARIANNA ARAGÃO

 
O investimento publicitário cresceu 13,9% no Brasil no primeiro trimestre deste ano em relação ao mesmo período de 2011 e alcançou R$ 6,5 bilhões. Os números não descontam a inflação.


A pesquisa é do Projeto Inter-meios, que compila informações de faturamento publicitário fornecidas pelos principais veículos de comunicação.


Todos os nove meios analisados tiveram crescimento de receita publicitária no primeiro trimestre.


A maior expansão foi registrada em cinema, cujos investimentos subiram 38%, seguido de TV por assinatura (27%) e internet (24%).


Segundo Salles Neto, presidente do Grupo Meio & Mensagem, que coordena o projeto, a TV aberta foi outro destaque, ao atingir receita de R$ 4,2 bilhões e participação recorde de 65% do total investido em publicidade.


Depois de TV, jornais e revistas mantiveram as maiores participações no bolo publicitário, atingindo 13% e 5,5% do investimento total em março, respectivamente.

A receita de publicidade dos jornais cresceu 5,5%, para R$ 777 milhões.


A publicidade das operações on-line dos jornais, medida pela primeira vez, alcançou 0,43% do total.


INTERNET


Com 40% de expansão na receita nos últimos quatro anos, a internet passou a ter 5,7% de bolo publicitário. O valor não contabiliza links patrocinados nem anúncios em redes sociais.


“Se somarmos todas as ações na rede, a participação vai a 8%”, diz Ari Meneghini, diretor do Interactive Advertising Bureau.


Sintonia Fina 
- com Conversa Afiada

Nenhum comentário: