15 de nov de 2011

BB reduz juros e ajuda consumidor a detonar




Queda de juros no BB reforça medidas para estimular economia


Menos de 72 horas após o BC anunciar medidas para aumentar a oferta de crédito para consumo, banco estatal anunciou redução dos juros no empréstimo consignado, crédito pessoal e financiamento de veículos


BRASÍLIA – Menos de 72 horas após o Banco Central anunciar medidas para aumentar a oferta de crédito para consumo, o Banco do Brasil começou a trabalhar no esforço do governo em aumentar os financiamentos às famílias para manter a demanda elevada e, assim, minimizar o efeito da crise. Nessa segunda-feira, o banco estatal anunciou redução dos juros no empréstimo consignado, crédito pessoal e financiamento de veículos e espera ser seguido pelos concorrentes privados.


Com o objetivo de “contribuir com o aquecimento da economia através do crédito de consumo”, o banco começou a agir em uma nova ação anticíclica comparável à vista na crise de 2008 e 2009. “Em um momento como esse, de uma forma bastante consciente, diria que o BB trabalha em um processo anticíclico por seu papel e sua característica de banco público”, explicou o vice-presidente de negócios de varejo do banco, Paulo Rogério Caffarelli.


Sintonia Fina - Conversa Afiada

Nenhum comentário: