29 de jan de 2013

A "doença" de Reinaldo Azevedo - mais conhecido como Tio Rola Bosta (SF)


Por Cadu Amaral

Nem tudo dá para se medir. A imbecilidade é uma delas. Se for a do Reinaldo Azevedo de Veja, até a palavra imensurável é obsoleta. Aliás, afirmar que Reinaldo Azevedo é portador desse adjetivo é pleonasmo. Quando se pensa que não há nada que ele possa fazer para mostrar sua principal característica, ele se supera.

Agora nos “brinda” com a acusação de oportunismo, de Lula e sua esposa Marisa, ao emitirem nota de solidariedade às famílias das vitimas da tragédia de Santa Maria/RS. Tudo para tentar vender o peixe de que Lula que se sobrepor à Dilma.

Diz o mentecapto em seu blog no site de Veja: “tem o cheiro inevitável da exploração política, é a nota de Lula e sua mulher, Marisa. Ele não exerce mais cargo público”. Para Azevedo, somente quem exerce função pública pode se manifestar sobre a tragédia.

Sim, porque antes de ser militante político, Lula é um ser humano. Com virtudes e defeitos e como tal tem o direito de se expressar.

Como uma simples nota de solidariedade pode causar tanto medo e ódio desta criatura feita de carbono?

“O Brasil inteiro está triste e de luto pelas mortes ocorridas no incêndio em Santa Maria. Nesse momento difícil, expressamos nossa solidariedade aos amigos e familiares das vítimas e a toda a população da cidade, mas em especial aos pais e mães por essas perdas irreparáveis. Nossos sentimentos. Marisa Letícia e Luiz Inácio Lula da Silva”.

O que há demais nessa nota?

Reinaldo precisa é de doses cavalares de Prozac.

Sem falar no oportunismo. Reinaldo Azevedo usa a tragédia para atacar Lula. Milhões de brasileiros e brasileiras, detentoras de função pública ou não se solidarizam com os familiares das vítimas da tragédia no Rio Grande do Sul.

Além do tradicional ódio de classe contra Lula, Dilma, o PT e a esquerda em geral exposto em seu blog diuturnamente, ele agora que ditar quem pode e quem não pode manifestar solidariedade às famílias das vítimas.

Se pudesse proibia Lula de sair à rua ou visitar alguém. Não somente ele – toda a “grande imprensa” deseja isso também – mas é Reinaldo Azevedo quem mais vocifera rancor e preconceito contra o ex-metalúrgico.

Azevedo, além de oportunista e possuidor de Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC) com Lula, se mostra a cada dia, um pelanco de ditador.

Sintonia Fina
via Blog do Miro

Nenhum comentário: